Aforismos temáticos de Cioran: a Doença

O lirismo do sofrimento é uma canção do sangue, da carne e dos nervos. O verdadeiro sofrimento brota da doença. Por isso, quase todas as doenças têm virtudes líricas. Só quem vegeta numa insensibilidade escandalosa permanece impessoal diante da doença, que sempre produz um aprofundamento pessoal. (Nos cumes do desespero)

§

Não é sintomático o fato de que se insurgem contra o espírito justamente aqueles que têm espírito demais, aqueles que conhecem a gravidade da doença que, afetando a vida, resulta no nascimento do espírito? (Nos cumes do desespero)

§

Acesso involuntário a nós mesmos, a doença nos obriga à “profundidade”, nos condena a ela. O doente? Um metafísico involuntário.  (Silogismos da amargura)

Mais aforismos sobre a Doença [+]

Anúncios